Pressione "ENTER" para buscar ou ESC para sair

Nota de repúdio às declarações do Presidente da República

Ascom

Fonte: Assessoria de Comunicação do IBDFAM

O Instituto Brasileiro de Direito de Família – IBDFAM, que se pauta pela defesa de um Direito das Famílias mais humano e humanizador, em sua trajetória de mais de 20 anos, vem a público manifestar seu repúdio às recentes declarações do Senhor Presidente da República, Jair Bolsonaro, que afrontam valores democráticos e humanitários da República Federativa do Brasil, ao dizer: “Um dia, se o presidente da OAB quiser saber como é que o pai dele desapareceu no período militar, eu conto para ele. Ele não vai querer ouvir a verdade. Eu conto para ele.”

É inadmissível que o Chefe do Executivo se posicione, levianamente, em torno de um assunto tão trágico, terrível e tão caro a tantas famílias de desaparecidos e mortos durante a ditadura militar. Solidarizamo-nos com o Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – OAB, Felipe Santa Cruz, que teve o drama de seu pai, Fernando Santa Cruz, desaparecido no referido período, trazido à tona pelo Presidente da República e tratado de forma desrespeitosa.

Um dos direitos mais humanos é o Direito das Famílias. A todos nos toca, profundamente, tal manifestação que minimiza o sofrimento de outros seres humanos e atinge em cheio a todas as famílias. Não é outro o nome disso que não escárnio e crueldade.

Não podemos – e não devemos – nos acostumar com ataques que ferem os Direitos Humanos e a Constituição Federal; com ataques de ódio, que insuflam e dividem a nação; com ataques às pessoas, às instituições, à liberdade de expressão, à imprensa livre, às minorias.

Não nos furtaremos de cumprir nossas premissas estatutárias, dentre as quais a defesa da cidadania, da ética, da paz e da democracia (Artigo 3º, XV, do Estatuto do IBDFAM).

Somos.

Instituto Brasileiro de Direito de Família – IBDFAM

Rodrigo da Cunha Pereira – Presidente

Maria Berenice Dias – Vice-Presidente